Lívia Bôto

1 de nov de 2016


Abacate - Propriedades e Benefícios!

  • O abacate é considerado um dos principais frutos tropicais, pois possui as vitaminas lipossolúveis que, em geral, são deficientes nas outras frutas. Além destas, contém proteínas e elevados teores de potássio e ácidos graxos insaturados. Apresenta quantidade variável de óleo na polpa, sendo esta vastamente utilizada nas indústrias farmacêutica e de cosméticos, e na obtenção de óleos comerciais similares ao azeite de oliva. Esse fruto tem sido reconhecido por seus benefícios à saúde, especialmente em função dos compostos presentes na fração lipídica, como ácidos graxos ômega, fitoesterois, tocoferois e esqualeno. Estudos têm demonstrado os benefícios do abacate associado a uma dieta balanceada, principalmente, na redução do colesterol e na prevenção de doenças cardiovasculares. A polpa do abacate na forma processada é uma alternativa para aproveitar os frutos, passível de ser utilizada em diversos produtos alimentícios de maior valor agregado. O extrato fluido das folhas do abacateiro é muito utilizado em produtos farmacêuticos, principalmente, pelo caráter diurético de compostos presentes nas folhas da planta. Com o aumento das pesquisas que comprovam as características nutricionais e os benefícios do abacate, a tendência é aumentar a produção e exploração dessa matéria-prima no Brasil, como já acontece em outros países.
    Portanto, o acido oléico (óleo presente no abacate) tem efeito hipolipemiante, ou seja, controlam os níveis de colesterol. Um estudo realizado por Tango et al., (2004) para a caracterização física e química do abacate constatou que, em média, 53,4% da composição lipídica predominante da polpa do fruto é composta pelo acido oléico, e podem desempenhar função importante no tratamento coadjuvante de dislipidemia, e ainda, que são reguladores da expressão de genes envolvidos no metabolismo de lipídeos causando assim sua diminuição. 🍐 🙌🏼

  • Referências:
  •  👉🏼MARTINS, S.L.C.; SILVA, H.F.; CARVALHO, M.R. Efeitos terapêuticos dos fitosteróisefitostanóis na colesterolemia. Alan. 54(3):257-63, 2004.
    👉🏼GOTTILIEB, M.G.V.; BONARDI, G.; MORIGUCHI, A.H. Fisiopatologia e aspectos inflamatórios da aterosclerose. Scientia Medica. 15( 3):203-7, 2005.
    👉🏼SPOSITO, A.C. IV Diretriz brasileiras sobre dislipidemias e prevenção da aterosclerose. Departamento de aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia. ArqBrasCardiol. 88:suppl 1, 2007.
    👉🏼PATRÍCIA F.D., MARCIA A.C., CAROLINE D.B., CARLA R.B.M. Abacate: características, benefícios à saúde e aplicações. Ciência Rural, v. 46, n. 4 ,2016.
1

Um comentário:

sigma

 

Instagram @liviaboto_blog